Ver todos os artigos Let´s Talk

Lifestyle

Destralhar: o que é e por onde começar

4 Novembro, 2019 Bloggers Convidados

Destralhar a cozinha: organização de armários

Destralhar: o que é e por onde começar

Hoje venho fazer-lhe um desafio: vamos destralhar?

Antes de pormos as mãos na massa convido-o a reflectir comigo sobre o que é tralha. A tralha é tudo aquilo que temos nas nossas vidas e que não nos é útil, que não nos traz valor acrescentado, do qual não gostamos, nem sentimos a falta. Mas isto não significa que estejamos a falar de lixo, muitas vezes a nossa tralha é útil e traz valor para outras pessoas, daí ser muito importante dar-lhe o destino final correcto.

Com esta reflexão facilmente percebemos que destralhar não é deitar algo para o lixo.

Também não é um processo de organização ou arrumação, podemos dizer que destralhar é um processo de selecção e eliminação do que está a mais na nossa vida!

Traz-nos uma sensação de leveza, ajuda a libertarmo-nos dos excessos vida, elimina distracções, acaba com a desorganização e ajuda a concentrar-nos nas coisas que são realmente importantes.

Desde já partilho consigo que destralhar não é de todo um processo fácil, pode levar algum tempo, já passámos anos e anos a acumular tralhas, além disso não é fácil para todos nós praticarmos o desapego, no entanto relembro-lhe que o nosso valor não se mede pela soma dos nossos pertences.

Dicas para começar a destralhar:


  1. Quer mesmo livrar-se da tralha?
    Esta é sem dúvida a minha primeira dica. Para iniciar este processo tem de o querer realmente, tem de ter presente na sua vida a necessidade de reduzir e eliminar o que está a mais.



  1. Quer investir tempo a destralhar?
    Como já referi destralhar uma vida inteira de acumulação demora o seu tempo, mexe com as nossas emoções, com as energias estagnadas. Para o ajudar neste processo garanto-lhe que o tempo que investir agora irá reflectir-se em tempo livre mais tarde!



  1. Começar por uma zona pequena
    Costumo dizer que é mais fácil comer um elefante às fatias. Qual a zona da sua casa que tem mais tralha acumulada e que mais impacto negativo tem em si? Essa é a zona certa para começar e rapidamente usufruir dos benefícios do destralhe.



  1. Três recipientesLixo, Doar, Guardar
    Divida as tralhas acumuladas em 3 tipos e coloque-as em diferentes locais (sacos, caixotes, etc). Livre-se delas o mais rapidamente possível, colocando-as no lixo, doando ou vendendo. Os objectos que identificou para guardar, mantenha-os durante um período de tempo, por exemplo, 6 meses e se não necessitar deles durante esse período, é sinal de que lhe fazem falta.


Para terminar e para que o processo seja efectivamente eficaz, é fundamental não voltarmos a acumular, deixo mais umas quantas dicas para garantir um destralhe eficaz:

  • Comprar conscientemente
    Ponderar todas as compra evitando comprar por impulso.



  • Recusar
    Não levar para casa objectos que não necessita ou dos quais não gosta, não aceitar só porque é gratuito.



  • Não acumular
    Aplicar a regra do one in one out, quando um objecto entra outro sai.



  • Criar um lugar para tudo
    Porque se tudo tiver o seu lugar, em primeiro lugar sabemos sempre onde tudo se encontra e deixamos de perder tempo à procura, acabando-se os itens perdidos pela casa. Depois o que não tiver um lugar é porque não faz falta e não tem espaço na sua vida.



  • Destralhar com regularidade
    Ter um local em casa que todos saibam que existe, para irem colocando os itens que não necessitam.


Bons destralhes!
Artigo escrito por Cláudia Ganhão, autora e produtora de conteúdos sobre Minimalismo, do blog www.claudiaganhao.pt.
Bloggers Convidados

Bloggers Convidados

Conhece todos os posts

Partilhar

Gostaram deste artigo?

Artigos Relacionados